Enem

Como solicitar atendimento especializado no Enem?

EAD PUC GOIÁS   |    | 7 min de leitura
Saiba mais
Saiba mais

  Tag: Enem

Precisa de suporte durante a execução das provas? Saiba como solicitar o atendimento especializado no Enem!

Disponível para determinados grupos de participantes, esse auxílio é fundamental para garantir que todos realizem as provas nas mesmas condições.

Se você ainda não sabe como solicitá-lo, continue conosco:

O que é o atendimento especializado?
Quem pode pedir o atendimento especializado no Enem? 
Quais recursos o MEC oferece no atendimento especializado? 
Onde solicitar o atendimento especializado para fazer o Enem? 
Quais os documentos necessários para pedir atendimento especializado no Enem? 
O que fazer se o atendimento especializado no Enem for negado?

Descubra os segredos para tirar nota 1000 na redação do ENEM!

O que é o atendimento especializado?

O atendimento especializado no Enem é um direito de todos os participantes que necessitam de algum suporte para realizar as provas.

O principal objetivo dessa ferramenta é equiparar as condições entre os candidatos com deficiência e os demais, garantindo que todos tenham as mesmas oportunidades no processo seletivo.

O atendimento especializado também é oferecido para quem está em alguma fase da vida que traz limitações, como gestantes e estudantes que passam por internamento hospitalar.

Todas as informações sobre o funcionamento do atendimento especializado no Enem estão disponíveis no edital do Exame.

Quem pode pedir o atendimento especializado no Enem?

O atendimento especializado no Enem está disponível para esses públicos:

  • Pessoas com deficiência auditiva, física ou intelectual (cognitiva);
  • Pessoas com surdez;
  • Pessoas com cegueira, baixa visão ou visão monocular;
  • Pessoas com surdocegueira;
  • Pessoas com discalculia, autismo, dislexia e déficit de atenção;
  • Pessoas em classe hospitalar;
  • Idosos;
  • Gestantes e lactantes. 

Quais recursos o MEC oferece no atendimento especializado?

Separamos abaixo todos os suportes garantidos pelo Ministério da Educação (MEC) aos participantes que requerem o atendimento especializado no Enem, dependendo do seu grupo: 

Autismo, discalculia, déficit de atenção e dislexia

Os participantes com transtorno do espectro autista podem utilizar caneta transparente com tinta colorida para marcar as respostas no caderno de questões. Contudo, o cartão-resposta deverá ser preenchido com uma caneta transparente de tinta preta.

Além disso, os candidatos desse grupo têm direito ao acompanhamento de um profissional ledor e transcritor, junto a um tempo adicional de 60 minutos para cada dia de prova.

As pessoas com transtorno do espectro autista também contam com correção da redação diferenciada.

Cegueira

Esses participantes poderão ser acompanhados por cão-guia e utilizar seus próprios materiais, como:

  • Máquina de escrever em braile;
  • Lâmina overlay;
  • Reglete, punção, sorobã ou cubaritmo;
  • Caneta de ponta grossa;
  • Tiposcópio.

Esses instrumentos serão vistoriados pelo chefe da sala, com exceção do cão-guia.

O atendimento especializado no Enem também oferece prova em braile, ledor, transcritor e sala de fácil acesso.

Classe hospitalar

A classe hospitalar engloba todos os estudantes que passaram pelo processo formal de escolarização no interior de uma instituição hospitalar ou de saúde, devido a internamento para tratamento.

Esses participantes têm direito a realizar a prova no hospital, acompanhados por um representante do MEC.

Atenção: não são considerados classe hospitalar os participantes internados no dia da prova devido a partos, cirurgias ou tratamentos esporádicos. Funcionários da área de saúde também não têm acesso a esse atendimento.

Deficiência auditiva

O participante com deficiência auditiva poderá utilizar o aparelho auditivo ou implante coclear — que não será vistoriado. Para isso, é necessário indicar o uso dos aparelhos no momento da inscrição.

Outros atendimentos disponíveis são:

  • Leitura labial;
  • Tradutor-intérprete da Língua Brasileira de Sinais (Libras);
  • Vídeo prova em Libras;
  • Tempo adicional de 120 minutos.

Deficiência física

As pessoas com deficiência física possuem direito a sala de fácil acesso, mobiliário acessível, ledor e transcritor.

Deficiência intelectual

O atendimento especializado do Enem disponibiliza a esses participantes ledor, transcritor e sala de fácil acesso.

Gestantes

As gestantes realizarão as provas em salas de fácil acesso e podem solicitar também apoios para as pernas e os pés.

Idosos

Os idosos realizarão as provas em salas de fácil acesso e podem solicitar também apoios para as pernas e os pés.

Lactantes

As lactantes com filhos de até 1 ano podem levar um acompanhante adulto nos dois dias de prova, que ficará em uma sala reservada e ficará responsável pela criança (lactente).

Durante a avaliação, o contato entre a lactante e o acompanhante apenas poderá ser realizado com a presença de um fiscal, que preferencialmente será do sexo feminino.

O atendimento especializado do Enem também disponibiliza 60 minutos adicionais para a participante.

Nome social

O tratamento pelo nome social é um atendimento destinado às pessoas que se identificam e desejam ser reconhecidas socialmente por sua identidade de gênero, como os transexuais e travestis.

Com isso, tanto os cadernos de provas vão conter o nome social indicado no ato da inscrição, como também o participante poderá utilizar o banheiro em que se sentir confortável.

Surdocegueira

A surdocegueira atinge os sentidos da visão e da audição. No Enem, essas pessoas podem solicitar:

  • Prova em braile;
  • Transcritor;
  • Sala de fácil acesso;
  • Acompanhamento de cão-guia;
  • Uso dos seus próprios instrumentos;
  • Suporte de três guias-intérpretes;
  • Uso de aparelho auditivo ou implante coclear.

Além disso, esses participantes podem levar seu próprio material, como máquina Perkins ou reglete e punção.

Eles podem redigir e entregar a redação em braile. A redação também terá correção diferenciada.

Visão monocular e baixa visão

O atendimento especializado no Enem disponibiliza a essas pessoas um aplicativo de leitura de textos no computador, além de um ledor, transcritor, prova com letras e figuras ampliadas e sala de fácil acesso.

Os portadores de visão monocular e baixa visão também podem levar instrumentos adaptados, como:

  • Caneta de ponta grossa;
  • Tiposcópio;
  • Óculos especiais;
  • Lupa;
  • Telelupa;
  • Luminária.

Todos os dispositivos serão vistoriados pelo chefe de sala. 

Onde solicitar o atendimento especializado para fazer o Enem?

O atendimento especializado deve ser solicitado no momento da inscrição na Página do Participante, durante os dias indicados pelo edital.

Login da Página do Participante do Enem.Login da Página do Participante do Enem. Reprodução/Inep

Para requerer essas adaptações, é preciso informar as condições e necessidades que devem ser atendidas durante a aplicação da prova. Além disso, você deve anexar documentos médicos que comprovem o direito a essas adaptações. 

Seção para solicitar atendimento especializado no Enem na Página do Participante.Seção para solicitar atendimento especializado no Enem na Página do Participante. Reprodução/Inep

Quais os documentos necessários para pedir atendimento especializado no Enem?

O principal documento para ter acesso a essas adaptações são os laudos e atestados médicos, assinados por profissionais devidamente registrados. Inclusive, no documento deve constar o CRM do profissional, bem como o CID da doença.

No caso da lactante, esta deve anexar a certidão da criança com menos de um ano, enquanto a gestante deve inserir um atestado médico que comprove a gravidez.  

Na Página do Participante, o candidato deve indicar qual o atendimento especializado que necessita para realizar no Enem.Na Página do Participante, o candidato deve indicar qual o atendimento especializado que necessita para realizar no Enem. Reprodução/Inep

Para ter acesso ao nome social, o participante deve adicionar uma fotografia atual de corpo inteiro e uma cópia digitalizada do documento de identificação oficial. Também é necessário preencher, assinar e digitalizar um formulário de requerimento.

O que fazer se o atendimento especializado no Enem for negado?

Você adicionou todos os documentos médicos necessários, mas, ainda assim, seu pedido foi negado?

Nesse caso, recomendamos entrar com um recurso administrativo, durante o período recursal divulgado pelo edital.

Para ter seu pedido aceito, anexe mais documentos capazes de comprovar sua necessidade de adaptação, como outros laudos, exames, relatórios e atestados.

Não desista do atendimento especializado no Enem e consiga igualar suas chances de conseguir uma vaga em uma boa universidade.  

Use sua nota do ENEM para ganhar uma bolsa de estudos!


Leia também:

Inscreva-se no nosso Blog

Comece sua graduação EAD agora mesmo! Inscreva-se.

O que você achou dessa publicação?

Deixe o seu comentário abaixo.

BUY On HUBSPOT